.

.

Mega Link

Mega Link

terça-feira, 19 de abril de 2016

Criança pernambucana morre de H1N1 em São Paulo





Uma criança pernambucana de um ano morreu em São Paulo, no Sudeste do país, vítima do vírus Influenza (H1N1). A informação foi confirmada nesta terça-feira pela Secretaria Estadual de Saúde e o óbito já consta no Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde. Segundo a SES, a criança estava internada há 11 meses em São Paulo, onde se tratava de outra doença, que não foi revelada. A SES também garantiu que a infecção pelo vírus se deu já em território paulista, onde a criança morreu.

Vacina
No dia 25 de abril começa a pré-campanha para toda a população inclusa nos grupos prioritários para a vacina: crianças de seis meses a menores de cinco anos (até quatro anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhador de saúde, idosos (a partir de 60 anos), povos indígenas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional; adolescentes e jovens entre 12 e 21 anos sob medida socioeducativas, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

O Dia D conta a Influenza continua sendo no dia 30 de abril em todo o Brasil.  Até a segunda semana de maio, o MS informou que irá encaminhar as doses para imunizar todos os 2.095.962 pernambucanos inclusos nos grupos prioritários. A  expectativa da campanha é imunizar, no mínimo, 80% desse público total contra três vírus da influenza: A H1N1, A H3N2 e B.

Balanço
O número de mortes provocadas por H1N1 aumentou 50% em uma semana. Boletim divulgado na manhã desta terça-feira, pelo Ministério da Saúde, com dados reunidos até o dia 9, mostra que 153 pessoas faleceram em virtude de complicações provocadas por esse subtipo de vírus influenza.

Fonte: Diário de pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário